O Tetra do Sporting no Torneio da Pontinha

Com Mané ‘on fire’, o leão bateu Benfica e somou o quarto título consecutivo


Capitão Samuel Justo levantou a taça após vitória sobre o Benfica

Foi um Sporting imperial que conquistou a 36ª edição do Torneio Internacional de Futebol Infantil, organizado pelo CAC Pontinha, batendo o Benfica na final por claros 4-0. Os leões dispuseram de mais ocasiões de golo que o grande rival e aos 10 minutos abriram ativo naquele que foi também o golo mais vistoso da final. Aproveitando uma bola morta, o lateral-direito David Monteiro colocou o esférico na ‘gaveta’, sem hipóteses para o guardião das águias. Isnaba Mané, o melhor jogador da final, apareceria depois para faturar o primeiro golo da sua conta pessoal, nos descontos da primeira parte, já após o benfiquista João Neves cabecear à trave.

O segundo tempo começou como acabou o primeiro, com um Sporting dominante, mas os golos ficaram guardados mais para o fim, mesmo que o capitão encarnado, Diogo Prioste, tentasse ‘empurrar’ a equipa para a frente, de forma a reabrir a luta pelo título. Num livre exímio, batido a quase 30 metros da baliza, Luís Gomes precipitou a festa junto do banco dos verdes e brancos. Mané ainda foi a tempo de bisar em cima do apito final, galgando metros para uma baliza deserta, depois de driblar o guarda-redes. Foi a confirmação do tetra do Sporting na competição e o 11º título em 36 edições em infantis.

Jorge Andrade, patrono do torneio, revelou-se satisfeito por mais uma “festa do futebol juvenil”. “Tivemos sorte com um tempo espetacular. Nestas idades os jogadores já começam a ter experiência internacional. As coisas têm evoluído de uma forma fantástica. As equipas têm estruturas melhores para jogar futebol”, ressalvou.

Por Flavio Miguel Silva
@Record.pt
Share on Google Plus

Sobre Smile Brain

Portal de informação diária relacionada com o Sporting Clube de Portugal. Artigos, Reportagens e Exclusivos relacionados com a maior potencia desportiva nacional.