“Agressão sem bola e cobarde” - Jaime Marta Soares

Líder da Mesa da AG do Sporting atira-se a Samaris, atacando ainda o Benfica


Dirigente leonino, que pretende ver explicada a frase de Rui Vitória em que o técnico disse que “os pontos estão caros”, acusou o árbitro do jogo, Tiago Martins, de fechar os olhos a vários casos.

Jaime Marta Soares, presidente da Mesa da Assembleia Geral do Sporting, não poupou ontem críticas ao Benfica e a Samaris. “Levantaram tantos problemas por causa de Slimani, e foi de uma jogada [com Samaris, no Sporting-Benfica da Taça de Portugal, na época passada] que aconteceu a situação. Este lance foi uma agressão intencional, sem bola, sem nada, cobarde”, sublinhou à Rádio Renascença”, atirando: “É efetivamente uma agressão cobarde, escondendo-se para agredir.”

Insatisfeito com o facto de Samaris não ter sido expulso na partida com o Moreirense, Marta Soares garantiu que os leões não vão deixar de avançar com queixas se entenderem ser necessário. “O Sporting tem de denunciar isto tudo, não permitir que estas coisas se repitam, até porque está a ser prejudicado”, frisou, considerando que o clube de Alvalade “podia ter recuperado pontos” ao Benfica.

“O Sporting não tem de se meter nisto porquê? Faz parte de tudo aquilo que é a estrutura do futebol, é um clube interessado diretamente nos resultados desportivos”, justificou, voltando a apontar ao rival, incidindo na partida de Moreira de Cónegos. “[Foram] agressões incríveis, inaceitáveis para uma equipa que tem responsabilidades e que diz ser o paradigma do respeito e daquilo que deve ser a verdade desportiva. Não é. E está provado que não é. Veja-se a agressão de Luisão, passível de vermelho direto; veja-se a agressão de Samaris, com um soco no ventre do jogador do Moreirense, que toda a gente viu”, atirou, disparando contra o juiz Tiago Martins: “Só não vê quem não quer ver. Se foi o árbitro que não quis ver? É lógico, a equipa de arbitragem, sempre tão lesta e ávida a aplicar sanções, algumas duvidosas, nomeadamente aquela que deu origem ao golo do Benfica... Ainda está para se analisar e perceber esta dualidade de critérios e o fechar de olhos a uma situação gravíssima como a agressão.”

Também o treinador das águias foi visado. “Rui Vitória disseque os pontos ficam muito caros nesta altura. O que é que isso quer dizer? Eu não percebo. Agora compram-se pontos?”, questionou, negando alianças com o FC Porto. “O Sporting não precisa de se aliar a ninguém. É independente, representa-se a si próprio, sabe de onde vem, onde está e para onde quer ir. Não precisa de alianças para fazer valer os valores que defende para o futebol português.”

Marta Soares aproveitou para fazer a defesa de Bruno de Carvalho, insurgindo-se contra o castigo ao líder do Sporting: “Tiraram-lhe a voz de uma forma inaceitável, para que esteja calado. Tudo o que Bruno de Carvalho tem vindo a dizer está na ordem do dia.”

@Jornal OJOGO
Share on Google Plus

Sobre Smile Brain

Portal de informação diária relacionada com o Sporting Clube de Portugal. Artigos, Reportagens e Exclusivos relacionados com a maior potencia desportiva nacional.