SAD do Sporting explica "bomba" de Victor Espadinha

Adepto leonino tinha anunciado, no dia das eleições, que havia um documento "bomba" que iria ser entregue por Pedro Madeira Rodrigues no DIAP


Tema marcante do dia em que decorreu o ato eleitoral do Sporting, a "bomba" mencionada por Victor Espadinha sobre "movimentações de dinheiro da SAD do Sporting" entre Bruno de Carvalho e um "primo", que iriam ser analisados pelo Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP), veio ontem à tona. A divulgação desse documento, ao qual O JOGO teve acesso, motivou uma explicação por parte da SAD verde e branca.

A declaração escrita é uma ata avulsa de uma reunião onde foram conferidos poderes especiais a Alexandre Godinho para, conjuntamente com o presidente Bruno de Carvalho, representar e vincular a sociedade ao nível da "negociação, elaboração, celebração e modificação de contratos", bem como da "assinatura de qualquer tipo de protocolos e parcerias". Ora, de acordo com fonte oficial do Sporting, não é visível no documento - que é datado de 2014 - o prazo em que este era vigente. Ainda segundo a mesma fonte, esse mesmo período ia de 8 a 17 de agosto, período que coincidia com os dias de férias de Carlos Vieira, um dos administradores da SAD. Como toda a documentação tem de ser assinada por Bruno de Carvalho e um administrador da sociedade verde e branca, Alexandre Godinho - que já era vogal do Conselho Diretivo e prestava consultadoria jurídica ao clube e à SAD - assumiu o papel que habitualmente estava destinado a Carlos Vieira.

Para evitar confusões futuras, o Sporting também esclareceu que Alexandre Godinho - cujo nome completo é Alexandre António Gaspar Carvalho Godinho - não tem qualquer parentesco com o presidente Bruno Miguel Azevedo Gaspar de Carvalho, tal como Victor Espadinha tinha insinuado no dia das eleições e, posteriormente, num programa de debate na CMTV.

@Jornal OJOGO
Share on Google Plus

Sobre Smile Brain

Portal de informação diária relacionada com o Sporting Clube de Portugal. Artigos, Reportagens e Exclusivos relacionados com a maior potencia desportiva nacional.