Pedro Santana Lopes: «Votarei em Bruno de Carvalho»

"Pode ser mais cómodo não se dizer em quem se vota." 


"Por outro lado, é menos necessário fazê-lo no caso de as intenções de voto anunciarem uma grande diferença (o que só pode ser confirmado depois da contagem). Mas eu, que sou sócio do Sporting há mais de 50 anos, que já fui presidente do Sporting, que sou pai de cinco sportinguistas ferrenhos e avô de quatro netos, todos eles sócios do Sporting ou em vias de o ser, e sendo também "acompanhante" de todos os jogos do Sporting em casa e mesmo alguns fora, como Estoril, Restelo e Setúbal, não devo ficar calado. Vou votar em Bruno de Carvalho."

"Quero deixar claro que discordo nalguns pontos, muitíssimo nalguns casos, do modo como agiu. Discordo em termos menos intensos de vários aspetos das intervenções públicas."

"Mas ele começou jovem como presidente, julgo com a idade com que fui eleito. Também tinha 39 anos quando fui eleito presidente do Sporting e quase não tive tempo para aprender, ao contrário do atual presidente, que já vai no quarto ano e que vem aprendendo a moderar o seu discurso. Não sou, no entanto, daqueles que criticam o seu combate pela defesa dos interesses do Sporting. Acho bem o combate, posso discordar, por vezes, do modo. Só que tenho de assumir que foi o trabalho de Bruno de Carvalho à frente do Sporting que me levou de novo a esse entusiasmo de acompanhar a equipa em tantos jogos.

"Aconteceu comigo e julgo que aconteceu com muitos outros pelo que se vê, principalmente nos jogos em casa, com aquele ambiente extraordinário de fervor clubístico. Sou daqueles que gostam de presidentes com paixão pelo seu clube. Devo dizer que vou votar Bruno de Carvalho também por causa de Jorge Jesus."

"Não tendo gostado de algumas das suas atitudes ou opções técnicas nos últimos meses, continuo a considerar que é um grande treinador e que deve ter tempo para fazer o seu trabalho e conseguir os resultados desejados. De qualquer modo, foi também o outro candidato que contribuiu logo para facilitar a escolha, porque quem tem esta posição quanto ao treinador, não pode votar nele. Lembro, e o próprio sabe-o, que já queria Jorge Jesus como treinador do Sporting muito antes de ele sair do Benfica. Mas que fique claro que voto na lista de Bruno de Carvalho não só por causa de Jorge Jesus. Sei que ele ainda não conseguiu o título nacional, mas quem já foi presidente sabe, ainda melhor do que todos os outros, que até pode estar tudo bem feito em termos de gestão, mas se a bola não entra ou se o árbitro não marca, nada há a fazer. "

"Na vertente financeira nunca é conhecida de todo e, por isso, os clubes também devem viver, como ensinou José Roquette, em auditoria permanente. Tenciono votar no sábado e pelas razões expostas no início deste artigo, entendo que a minha opção não deve ser feita às escondidas pelo recato da cabine de voto."

@CMJornal.pt
Por Pedro Santana Lopes
Share on Google Plus

Sobre Smile Brain

Portal de informação diária relacionada com o Sporting Clube de Portugal. Artigos, Reportagens e Exclusivos relacionados com a maior potencia desportiva nacional.