José Eduardo: "Não me arrependo porque o que disse foi a verdade"

O antigo jogador do Sporting foi condenado a pagar uma indemnização a Marco Silva e ao pagamento de uma multa devido a afirmações que o Tribunal entendeu como difamação agravada. 


Depois de conhecer a sentença do Tribunal em que vai ter pagar uma multa de 5.400€ e uma indemnização de 10.000€ a Marco Silva, José Eduardo garantiu que não "está arrependido" das afirmações que fez sobre o então treinador do Sporting, porque "só disse a verdade", tal como "testemunharam em Tribunal o Augusto Inácio e o Virgílio Lopes", sublinhado que "só reportou o que lhe disseram", mostrando-se convicto que após a apresentação do recurso "ficará provado" que só afirmou a verdade.

À saída do Tribunal, José Eduardo comentou a decisão do juiz, referindo que "não foi preso", sublinhando que "dos 45 mil euros pedidos" por Marco Silva "estes foram reduzidos para 10 mil", algo que não sua opinião "deixa frustrado" o antigo treinador leonino.

José Eduardo prometeu ainda para breve "uma análise ao trabalho de Marco Silva no Sporting", porque entende que "tem essa obrigação", acrescentando que "Marco Silva só lhe interessou enquanto esteve no Sporting", e que agora lhe "deseja" as maiores felicidades.

O antigo jogador do Sporting foi eleito para o Conselho Leonino nas recentes eleições em que Bruno de Carvalho saiu vencedor, e mostrou "que tem a esperança" que a equipa de Alvalade seja campeã nacional como prometeu Bruno de Carvalho nos próximos quatro anos. No entanto, José Eduardo avisa que "ninguém pode prever o futuro", concluiu.

@RR.PT
Share on Google Plus

Sobre Unknown

Portal de informação diária relacionada com o Sporting Clube de Portugal. Artigos, Reportagens e Exclusivos relacionados com a maior potencia desportiva nacional.