Sporting poupa dez milhões em ordenados.




Os 'leões' aproveitaram o mercado de janeiro para reduzir os encargos com jogadores. 


Jorge Jesus cumprimenta Bruno de Carvalho logo após o final do jogo entre Sporting e Belenenses no Restelo Já eliminado das competições europeias e das taças nacionais e com a situação no campeonato muito complicada, o Sporting aproveitou o mercado de janeiro para reduzir os encargos com jogadores, o tal "emagrecimento" anunciado por Bruno de Carvalho. Com as movimentações, o clube leonino conseguiu poupar 10,2 milhões de euros em ordenados.

A saída de Elias, que rumou ao Atlético Mineiro por 2,5 milhões, permitiu um alívio de cerca de 3,9 milhões de euros, valor que o médio tinha ainda a receber. Markovic regressou ao Liverpool, permitindo uma poupança de 750 mil euros, e Meli voltou para a Argentina, originando uma poupança de 400 mil euros.

Houve ainda o empréstimo de Petrovic ao Rio Ave, que significa uma poupança de 35 mil euros, e a saída de João Pereira para o Trabzonspor, sendo que o lateral tinha ainda 216 mil euros a receber.

Para breve deverá estar a confirmação da saída de André para o Sport Recife, por cerca de 1,2 milhões de euros, e é aqui que o Sporting mais conseguirá poupar, já que o avançado teria a receber cinco milhões de euros até 2019.

Foto: Manuel de Almeida / LUSA 
Por SAPO Desporto sapodesporto@sapo.pt
Share on Google Plus

Sobre Smile Brain

Portal de informação diária relacionada com o Sporting Clube de Portugal. Artigos, Reportagens e Exclusivos relacionados com a maior potencia desportiva nacional.

0 comentários: