Jesus é o quarto treinador mais rápido a chegar às 40 vitórias

Apenas nove técnicos atingiram essa marca no campeonato, na história dos leões. E só três conseguiram esse feito em menos de 55 jogos. No século XXI, Jorge Jesus é o mais eficaz


Jorge Jesus entrou na história do Sporting, no sábado, após o jogo na Amoreira diante do Estoril. É que o triunfo ali alcançado, por 2-0, foi o 40.º como treinador dos leões na Liga, uma marca alcançada apenas por outros oito técnicos em 83 edições do campeonato nacional.

O único a atingir este patamar neste século tinha sido Paulo Bento, no início da época 2007-08, a terceira no comando dos leões. O agora técnico do Olympiacos precisou, no entanto, de 60 jogos para completar as quatro dezenas de triunfos, algo que Jorge Jesus conseguiu em 55 partidas da Liga, pouco mais de uma temporada e meia.

Ainda assim, houve três treinadores do Sporting que precisaram de menos jogos para atingir os 40 triunfos. Fernando Vaz e Randolph Galloway apenas precisaram de 52 jogos, tendo-o o treinador português conseguido no final da época 1969-70, na qual conquistou o único título de campeão nacional pelos leões. Já o técnico inglês, que conquistou o título nas três temporadas em que esteve ao serviço do clube de Alvalade, chegou aos 40 jogos ganhos no final da segunda época, em 1951-52. É bom lembrar que o campeonato tinha menos jornadas...

Quem ficou muito perto do recorde de Vaz e Galloway foi Cândido de Oliveira, que esteve três épocas no comando do Sporting, tendo na terceira época chegado aos 40 triunfos após 53 jogos e, ao mesmo tempo, conquistado o seu segundo título de campeão nacional pelos leões.

Jorge Jesus ainda não conseguiu vencer o campeonato pelo Sporting - esteve perto na época passada e agora encontra-se numa situação difícil para o conseguir -, mas é verdade que precisou de 55 jogos para chegar à vitória 40, algo que treinadores titulados como Juca e Joseph Szabo (bicampeão) só conseguiram mais tarde: após 57 partidas o português e depois de 65 o técnico húngaro.

É ainda certo que muitos outros treinadores campeões não precisaram de ganhar tantos jogos para serem campeões. São os casos, por exemplo, de Laszlo Bölöni (39 vitórias pelo Sporting no campeonato), Mário Lino (32), Augusto Inácio (29), Robert Kelly (22), Otto Glória (21) e Malcolm Allison (19).

Em termos absolutos, Jorge Jesus é neste momento o nono treinador com mais triunfos ao serviço do Sporting em jogos de campeonato, podendo ainda nesta época subir um lugar, pois está a três vitórias de igualar Manuel José, que esteve 77 jogos à frente dos leões.

O húngaro Joseph Szabo foi, no entanto, o treinador que mais tempo comandou os leões (154 jogos) e mais partidas ganhou: foram 118 vitórias, que o colocam como o único que ultrapassou a centena... Paulo Bento venceu 77 desafios e é o segundo colocado do ranking.

Por Octávio Passos/Global Imagens
@DN.PT
Share on Google Plus

Sobre Smile Brain

Portal de informação diária relacionada com o Sporting Clube de Portugal. Artigos, Reportagens e Exclusivos relacionados com a maior potencia desportiva nacional.