Francisco Geraldes: «Era o que faltava tentarem desestabilizar-nos...»

Jogador sublinha união do grupo


Francisco Geraldes garante que nunca se sentiu à margem do Sporting durante a primeira metade da época em que alinhou no Moreirense, por empréstimo dos leões.

"O Octávio [Machado] ligou-me bastantes vezes. Nunca me senti posto de parte", começou por afirmar esta quarta-feira à Sporting TV, elogiando o trabalho de Jorge Jesus à frente do plantel leonino - "o palmarés fala por ele", sublinhou.

O jovem jogador, de 21 anos, deixou ainda clara a mensagem de união no grupo. "O grupo esteve e estará sempre unido. Era o que faltava tentarem desestabilizar-nos, não o conseguiriam fazer. São tentativas em vão essas de desestabilização".

A mesma mensagem foi passada por Daniel Podence. "Saímos do jogo [do Dragão] com união e garra para enfrentar os outros jogos com a mesma ambição e o mesmo querer. Se mostrarmos o mesmo que mostrámos na 2.ª parte com o FC Porto, as vitórias vão chegar".

Podence afirmou ainda ter sido bem recebido neste regresso a 'casa'. "Tem sido positiva esta receção e adaptação com os colegas. Está a correr bem. [Enquanto estive no Moreirense] Ligaram-se sempre pessoas da estrutura [do Sporting], nunca me senti fora do contexto do Sporting. Fui sempre acompanhado por pessoas da casa e isso foi muito importante".

Autor: Sofia Lobato
@Record.pt
Share on Google Plus

Sobre Smile Brain

Portal de informação diária relacionada com o Sporting Clube de Portugal. Artigos, Reportagens e Exclusivos relacionados com a maior potencia desportiva nacional.