Madeira Rodrigues: «Estamos habituados a ser maltratados por Bruno de Carvalho»




«Tem de se olhar ao espelho quando fala em desestabilizador»


Pedro Madeira Rodrigues respondeu esta terça-feira ao duro ataque que Bruno de Carvalho levou a cabo ontem num longo post do Facebook. Antes de rumar a Inglaterra, onde se irá reunir com vários empresários, o opositor do atual presidente do Sporting nas eleições de 4 de março assumiu estar à espera das palavras duras do dirigente há muito tempo.

"Não é nada que nos tenha deixado admirados. Tenho na minha equipa algumas pessoas que estiveram nas últimas eleições com Bruno de Carvalho e sabia perfeitamente o que me esperava. Até me tinha surpreendido não ter havido até agora ainda esses ataques diretos - só houve por via indireta, emissários... - e é bom sermos agora os dois a discutir. Prefiro falar cara a cara num debate. Em questão a dizer que eu era o desestabilizador da equipa... só pode ser brincadeira. O grande desestabilizador da nossa equipa, não só esta época, mas na de Marco Silva... Lembro-me também do que aconteceu em Chaves... Tem de olhar para o espelho quando fala de desestabilizador", afirmou aos jornalistas esta manhã.

Ao ter apontado o seu opositor como "protocandidato", Bruno de Carvalho mais não fez do que falar "nele próprio", segundo Madeira Rodrigues. "Não há ainda candidatos oficiais. Fui o primeiro a aparecer na corrida, ele apareceu depois de mim. Ele irá oficializar a sua candidtaura hoje e eu amanhã. Para já, somos todos protocandidatos." E concluiu: "É natural dele. Estamos habituados a ser maltratados pelo próprio presidente: já fomos acusados de carneiros, houve sócios processados, nada que nos admire. Vou estar preparado para isto".

Autores: Bruno Fernandes e Sofia Lobato 
Foto: Pedro Simões
@Record.pt
Share on Google Plus

Sobre Smile Brain

Portal de informação diária relacionada com o Sporting Clube de Portugal. Artigos, Reportagens e Exclusivos relacionados com a maior potencia desportiva nacional.

0 comentários: