Bruno de Carvalho: «Nunca virarei as costas aos meus treinadores e atletas»

O Sporting perdeu por 1x0, em casa, com o Braga no último domingo e está agora a oito pontos do primeiro lugar. 

Num extenso comunicado na sua página pessoal do Facebook, Bruno de Carvalho abordou o atual momento dos leões. O presidente manifestou «tristeza» pelo momento, sem esquecer a confiança que tem na equipa.

«São estes momentos de grande tristeza e desalento que têm que ser vividos de forma corajosa. Há que não fugir para que o sofrimento que nos é imposto obrigue a uma reflexão ainda mais profunda. Ninguém estará a sofrer mais do que eu neste momento, mas também ninguém tem plena consciência do trabalho que estamos a realizar e do que são verdadeiramente os bastidores do futebol e, porque não dizê-lo, de quase todo o desporto», pode ler-se na sua página pessoal do Facebook.

«Eu cá estarei para ser o primeiro a exigir empenho e devoção máxima. Mas nunca virarei as costas à minha família que são os meus treinadores e atletas. Juntos, seremos responsáveis pelos bons e pelos maus momentos. Juntos seremos sempre mais fortes e consistentes.»

Bruno de Carvalho referiu ainda que «olhar para dentro de casa é imperativo», mas que nada o vai impedir de continuar a lutar por tudo o que defende.

«Olhar para dentro de casa é imperativo, disse-o nos meus 3 últimos discursos. Mas se julgam que vão ficar refeições por denunciar, penaltis por marcar sem referências à necessidade de excelência de trabalho e ao vídeo-árbitro, títulos conquistados com honra sem que sejam reclamados, injustiças na justiça desportiva e a exigência de respeito por esta instituição com 110 anos de História gloriosa, desenganem-se. Quem trabalha 24 sobre 24 horas percebe o porquê das coisas.»

Texto por Redação Zerozero.pt
Share on Google Plus

Sobre Smile Brain

Portal de informação diária relacionada com o Sporting Clube de Portugal. Artigos, Reportagens e Exclusivos relacionados com a maior potencia desportiva nacional.

0 comentários: