Sporting diz que castigo a Vieira é curto para tanta "barbaridade"

Nuno Saraiva enumera várias polémicas a envolver o presidente do Benfica


A suspensão de que Luís Filipe Vieira foi alvo, de 60 dias, é considerada curta pelo Sporting, que através de Nuno Saraiva, na página de diretor de comunicação do clube no Facebook, apontou o dedo ao presidente do Benfica.

"Sessenta dias de castigo que foram, claramente, pouco para a barbaridade a que se assistiu", escreveu, antes de enumerar uma série de polémicas às quais Luís Filipe Vieira já esteve associado.

"Debandada de atletas; 600 milhões de dividas; Contribuintes a pagar dividas alheias; Lesados do BES; Agressões no trânsito; Agressões num banco; Associações a lavagens de dinheiro; Clubes fantasmas; Vouchers; E querem continuar a deitar fumo para os olhos das pessoas?", questionou.

"Podem tentar de tudo mas vão continuar a ser desmascarados. E, isto mesmo, num país onde alguma comunicação social não é isenta mas que, como tudo o resto, vai começar a mudar. E, quando perderem esse ultimo "bastião"... Não nos distraímos com atuações de circo e palhaçadas de ocasião. Nós somos o Sporting Clube de Portugal e preferimos o doce sabor das vitórias!", completou.

@DN.PT
Share on Google Plus

Sobre Carlos Martins

Portal de informação diária relacionada com o Sporting Clube de Portugal. Artigos, Reportagens e Exclusivos relacionados com a maior potencia desportiva nacional.

0 comentários: