Adrien dá dicas a João Matos para a conquista do título europeu



Encontro de capitães leoninos


EXCLUSIVO O JOGO - Vencedor do Euro"2016, Adrien partilhou com João Matos atalhos para a conquista do troféu que falta ao futsal do Sporting

Arranca nesta quinta-feira e estende-se até domingo, no Pavilhão Multiusos de Odivelas, a Ronda de Elite da UEFA Futsal Cup, o último obstáculo que o Sporting terá de encarar na luta pela presença na sua quinta final four - que se disputa em abril - da mais importante prova do futsal europeu: em 2011/12, ficou em quarto lugar, nas edições de 2001/02 e 2014/15 em terceiro e na temporada 2010/2011 em segundo, perdendo a final para os italianos do Montesilvano (5-2). Numa época em que a conquista da prova é um objetivo declarado do clube de Alvalade, o entusiasmo pela participação nesta Ronda de Elite estende-se dos adeptos à Direção, mas também às restantes modalidades do emblema lisboeta.

Face às esperadas dificuldades que a equipa de Nuno Dias vai enfrentar nos duelos com FC Dynamo, ETO Gyor e Targu Mures no Grupo D, onde só o primeiro classificado seguirá em frente, o capitão João Matos escutou os conselhos de Adrien, líder da equipa de futebol de onze do Sporting e recém-campeão europeu por Portugal, num encontro promovido por O JOGO.

Adrien: É sempre melhor jogar para ganhar. É uma pressão boa que nos faz seguir em frente. Não queremos andar aqui por andar

Declarando-se entusiasta da modalidade, pela "intensidade e técnica apurada em espaços curtos", o dono da braçadeira da equipa de futebol dos leões deixou algumas dicas sobre a gestão de pressão aos colegas do futsal que sonham com um título europeu, que ele conseguiu no último verão ao serviço da Seleção Nacional. "É sempre melhor jogar para ganhar do que para não descer, por exemplo. É uma pressão boa que nos faz seguir em frente. Não queremos andar aqui por andar, senão íamos jogar com os amigos", disparou Adrien, reforçando que a "união e coesão" de grupo são fatores essenciais para o sucesso. "Dá para ver que é um grupo bastante bom e que todos, dos mais aos menos utilizados, dão sempre o máximo em prol da equipa. Isso é mais de meio caminho andado para o título", sustentou o futebolista.

João Matos: O Dynamo reforçou-se bem, mas acho que não somos inferiores. Temos de provar isso em campo. A margem de erro do Sporting é nula porque temos três jogos em poucos dias

O forte investimento na modalidade, cujo orçamento para esta época é de 2,2 milhões de euros, empurra os leões para um patamar de favoritismo que o capitão João Matos, embalado pelas palavras de Adrien, não nega, embora lembre que a maior pujança económica do FC Dynamo seja outro fator a ter em conta na equação desta Ronda de Elite. "Reforçaram-se com muita qualidade, mas acho que não somos inferiores. Temos é de provar isso em campo", frisou.

Com 16 títulos no currículo, incluindo seis de campeão nacional, o camisola 9 do futsal leonino lembrou as especificidades desta competição em relação ao campeonato. "A margem de erro é nula porque temos três jogos em poucos dias. Na liga podemos recuperar dos deslizes mais à frente. A única semelhança é que pensamos sempre em ganhar todos os jogos", salientou João Matos.Os dois capitães, cuja boa relação ficou bem patente durante este encontro na Academia, saudaram-se na despedida com um aperto de mão, seguido de um abraço, num momento em que foi possível escutar desejos mútuos de "boa sorte".

@Jornal OJOGO
Share on Google Plus

Sobre Carlos Martins

Portal de informação diária relacionada com o Sporting Clube de Portugal. Artigos, Reportagens e Exclusivos relacionados com a maior potencia desportiva nacional.

0 comentários: