Adrien Silva: «Foi no Sporting que me formei como jogador e como Homem»

Dez dos 14 jogadores de Portugal que disputaram a final do EURO 2016 passaram pela academia do Sporting 


Com o Sporting CP prestes a encontrar o filho pródigo Cristiano Ronaldo na fase de grupos da UEFA Champions League, o UEFA.com lança os holofotes sobre a famosa "Academia de Alcochete" do clube verde-e-branco e sobre o seu papel no sucesso internacional de Portugal.

Em busca do primeiro campeonato desde 2002, o Sporting é a única equipa só com vitórias neste início da Liga portuguesa 2016/17, com um registo perfeito de três triunfos em três jogos. Peças fundamentais do início vitorioso dos “leões” têm sido o defesa-central Ruben Semedo, de 22 anos, e o extremo Gelson, que beneficiou com a partida de João Mário para o Internazionale Milano. O jogador de 21 anos marcou mesmo o golo da vitória na reviravolta de domingo que deu o triunfo por 2-1 sobre o Porto, depois de duas assistências para golo nas duas primeiras jornadas.

Quanto a Semedo, tem sido titular desde que regressou de uns impressionantes seis meses de empréstimo ao Vitória FC, na primeira parte da época passada, com o treinador Jorge Jesus a depressa considerar o internacional Sub-21 como "futuro defesa-central da selecção nacional".

Semedo e Gelson são as mais recentes figuras vindas da escolas do Sporting, a qual que teve um contributo significativo no triunfo de Portugal no UEFA EURO 2016. Dos 14 jogadores utilizados na final contra a França, a 10 de Julho, dez passaram pela academia de formação do clube de Lisboa: Rui Patrício, Cédric Soares, José Fonte, William Carvalho, Adrien Silva, João Mário, João Moutinho, Nani, Ricardo Quaresma e Ronaldo.

E não pára aí. A selecção portuguesa que esteve nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro (Edgar Ié, Tiago Ilori, Ricardo Esgaio, Tobias Figueiredo, André Martins, Carlos Mané) e a que atingiu a final do Campeonato da Europa da UEFA Sub-21 de 2015 (Esgaio, Ilori, Figueiredo, João Mário, William, Mané, Iuri Medeiros, Ricardo Pereira) contaram, respectivamente, com seis e oito jogadores que passaram pela formação “leonina”.

Um estudo levado a cabo pelo treinador-adjunto da selecção portuguesa Sub-21, Alexandre Silva, e apresentado pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF) em Fevereiro, descobriu que entre Julho de 2005 e Dezembro de 2015, 18,5 por cento dos jogadores convocados para as várias selecções de Portugal (desde os Sub-15) eram do Sporting. Benfica e Porto contribuíram, respectivamente, com 17,2 e 15,2 por cento.

O capitão do Sporting, Adrien Silva, fez o resumo ao afirmar: “O Sporting desde sempre foi uma das melhores escolas de futebol do mundo e este estudo reconhece o trabalho feito na academia”.

“No meu caso, cheguei lá com 12 anos e formei-me como jogador e como homem. Olho para estes números com enorme satisfação. Sei que sou apenas um exemplo entre muitos num clube que tem o futebol de formação no seu ADN”.

por José Nuno Pimentel
Fonte: http://pt.uefa.com
Share on Google Plus

Sobre Smile Brain

Portal de informação diária relacionada com o Sporting Clube de Portugal. Artigos, Reportagens e Exclusivos relacionados com a maior potencia desportiva nacional.

0 comentários: